modal verbs

Modal Verbs – Verbos Modais, para que servem?

Usados para dar um significado específico para o verbo principal, os verbos modais ou modal verbs, como são chamados em inglês, têm características próprias. Tais como:

  • Não precisam de um verbo auxiliar, mesmo nas formas negativas e interrogativas, pois seu papel na frase já é de um verbo auxiliar.
  • São sempre utilizados na forma infinitiva som o TO.
  • Sempre vêm antes do verbo principal, que por sua vez também vem na forma infinitiva sem o TO.
  • Têm a mesma forma para todas as pessoas, não se flexionando a regra de mudar o verbo nas terceiras pessoas do singular.
  • Não tem nem passado e nem futuro (com exceção do CAN que possui passado e condicional).

Esses verbos modais ocorrem com muita frequência na língua inglesa, por isso exigem um pouco mais de cautela e tempo ao serem estudados.
Para simplificar um pouco mais a forma de estudo, vamos ver cada verbo separadamente e seu devido uso.

CAN (pode):

Expressa capacidade, habilidade ou permissão (capacity, ability or permission). Em alguns casos podemos usar com sentido de possibilidade (possibility), porém, devido a confusão que pode causar com o uso no sentido de capacidade, é aconselhável o uso de MAY o MIGHT para possibilidade. Porém, considero que seja de muita importância considerar este fato, para não ficarmos confusos ao nos depararmos com tal situação.

Exs.:

Charlie cell therapy can repair a damaged tissue.
(A terapia com células-tronco pode reparar um tecido danificado) – expressa capacidade, ou seja, a terapia com células-tronco tem a capacidade de reparar os danos do tecido.

I can speak English.
(Eu posso falar inglês) – expressa habilidade, ou seja, eu tenho a habilidade de falar inglês, eu posso falar.

Sua forma negativa se dá  através do NOT após o verbo, ou de sua forma contraída CAN’T.

COULD (podia, poderia):

Também expressa capacidade, habilidade ou permissão, só que no passado. Seu uso como PODERIA é um uso mais formal ao se expressar um pedido.
Exs.:

Sebastian could read when he was four years.
(Sebastian podia ler quando ele tinha quatro anos) – expressa habilidade no passado, ou seja, ele já tinha a habilidade de ler com quatro anos, e se refere ao passado pois imagina-se que hoje ele não tenha mais quatro anos.

Could I use your cell phone for a minute?
(Eu poderia usar o seu celular por um minuto?) – expressa permissão.

Could you bring me a birthday present?
(Você poderia me trazer um presente de aniversário?) – expressa um pedido.

Sua forma negativa se dá  através do NOT após o verbo, ou de sua forma contraída COULDN’T.

MUST (deve):

Expressa obrigação, proibição ou dedução. No caso de querer expressar uma obrigação no passado usa-se HAD TO.
Exs.:

Those scientists must learn more about stem cell transplants.
(Aqueles cientistas devem aprender mais sobre os transplantes de células-tronco) – expressa obrigação, ou seja, os cientistas são obrigados a aprenderem mais sobre o assunto, pois o que já sabem não é o suficiente para um bom transplante.

Derek must be tired after his soccer pratics.
(Derek deve estar cansado depois de seu treino de futebol) – expressa dedução, ou seja, imaginamos que Derek esteja cansado depois de treinar futebol por horas.

You mustn’t get out of bed today.
(Você não pode sair da cama hoje) – expressa proibição, ou seja, alguém está proibido de sair da cama hoje.

Dr. Phillip had to go to his office las Saturday.
(Dr. Philip teve que ir ao seu escritório no último sábado) – expressa obrigação no passado, ou seja, ele tinha que ido, mas não foi.

#DICA:
HAVE TO pode ser usado no lugar de MUST para indicar obrigação, sem alterar seu sentido.

Sua forma negativa se dá  através do NOT após o verbo, ou de sua forma contraída MUST”T.

MAY (pode):

Expressa permissão, possibilidade ou dedução. Porém, ao expressar permissão, MAY é usado em contextos mais formais do que o CAN. Em alguns casos também é possível usar o MAY para expressar um desejo, como fazemos quando usamos o verbo TO WISH.

Exs.:

May I go to the bathroom?
(Eu posso/poderia ir ao banheiro?) – expressa permissão, ou seja, estou sob as ordens de uma outra pessoa, por isso não posso me retirar para ir ao banheiro quando eu quiser, preciso pedir permissão antes.

The body’s ability to grow may fail sometimes.
(A habilidade do corpo para crescer pode falhar às vezes.) – expressa possibilidade, ou seja, essa habilidade pode ou não falhar.

Joseph may be angry last night when screamed.
(José deveria estar nervoso ontem á noite quando gritou) – expressa dedução, ou seja, não temos certeza de que ele estava realmente nervoso, mas imaginamos que este seja o motivo pelo qual gritou.

#DICA:

MAY também pode ser utilizado para fazer um pedido, pedir ou dar permissão e oferecer ajuda, mas nestes casos, ele se torna mais formal, sendo usado num contexto, obviamente, mais formal.

MIGHT (podia, poderia):

Expressa possibilidade, tanto no passado quanto no presente.

Exs.:
Anna might have lunch with us tomorrow.
(Anna poderia vir almoçar conosco amanhã) – expressa possibilidade, ou seja, ela pode ou não ir.

SHOULD (deve, deveria):
Expressa conselho ou recomendação.

Exs.:

You should study more.
(Você deve estudar mais) – expressa conselho.

You shouldn’t smoke so much.
(Você não deveria fumar muito/tanto) – expressa conselho

Sua forma negativa se dá  através do NOT após o verbo, ou de sua forma contraída SHOUDN”T.

Esses verbos acima, são os principais verbos modais usados na língua inglesa. E sem eles não poderíamos ter dedução, possibilidade, nem proibir, dar conselhos ou oferecer ajuda. Por isso eles são de extrema importância.
Caso não tenha entendido algo, eu aconselho voltar e ler novamente, pois esta parte é mesmo um pouco mais complicada de entender logo na primeira lida, ou melhor dizendo, estudando apenas uma vez.
Dê o seu máximo nos estudos e a fluência será sua maior recompensa!
Bons Estudos! :) 

 

 

 

Vanessa

Autor Vanessa Dias

4 comentário(s) para “Modal Verbs – Verbos Modais, para que servem?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *